sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Começa neste domingo o Paranaense e Copa MXF/TCC de Enduro de Regularidade

Muita velocidade e sincronismo marcam o início do Paranaense e Copa MXF/TCC de Enduro de Regularidade. 

Fonte: Engenharia de Comunicação
Guto Simão
A prova, válida pela1ª e 2ª etapas das competições, acontece neste domingo (01/03) em Itaperuçu (RMC). Serão 135 quilômetros de percurso da prova que tem tudo para ser a melhor do calendário.
Um dos favoritos ao título nos dois campeonatos é o piloto Guto Simião, que este ano vem com patrocínio novo: a MXF Motors do Brasil, também patrocinadora máster do campeonato.

Guto acumula 15 anos de experiência, atualmente correndo pela categoria Sênior, e já possui alguns títulos em seu currículo: éCampeão Paranaense pela Categoria Junior em 2011 e Campeão pela Copa TCC Categoria Sênior 2012.

“As provas organizadas pela equipe Iguanas sempre são muito boas, e por ser abertura de dois campeonatos, acredito que vai ser excelente. No ultimo mês intensifiquei o treino em trilhas para aumentar a velocidade, resistência e técnica. Este ano conto com o apoio da MXF que acredito ser essencial para conquistar os títulos”, conta o piloto.
A largada está previstas para às 9 horas direto da trilha, que será dentro da Chácara Cavalli.
Guto Simião ainda possui apoio da Motul, The Eagle, Adrenalina Racing, IMS Race Wear, TriploX Motos, Pirelli, LaserTech, Mega Sacolas, 5inco Factory Concept.

SERVIÇO:
Evento: 1ª e 2ª etapas do Paranaense e Copa MXF/TCC de Enduro e Regularidade – 12º
Enduro Iguanas – Prova Pres. Paulo Depiné
Data: 01 de março de 2015
Local: Chácara Cavalli - Itaperuçu (Região Metropolitana de Curitiba)
Largada às 9 horas, direto na trilha.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Kawasaki confirma Ninja H2, de 200 cv, para o Brasil

Moto esportiva possui compressor no motor de 4 cilindros e 998 cc.Ainda sem preço definido, modelo custa 25 mil euros na Europa. 

Publicado no portal G1.com em 26/02/2015.
A Kawasaki confirmou que venderá seu principal lançamento dos últimos tempos, a Ninja H2, no Brasil em breve. Ainda sem revelar a data de chegada as lojas, nem o preço, a empresa divulgou em seu site que a esportiva estará disponível "em breve" e em "quantidade limitada". Na Europa, a H2 tem preço de 25 mil euros, valor equivalente a R$ 81,3 mil. Ela foi criada com base na H2R, moto para uso em pista que possui 300 cavalos.
Como base, a moto possui motor de 4 cilindros, com 998 cc, de 200 cavalos de potência que trabalha em conjunto com compressor.
Este tetracilíndrico tem câmbio de 6 marchas e possui a ajuda de um "quick-shifter" para a troca de marchas sem o uso de embreagem. O peso em ordem de marcha da moto é de 238 kg e seu tanque pode levar até 17 litros de combustível.
Além do motor muito potente, a moto possui pintura com prata de efeito refletivo e apêndices nas carenagens, que lembram pequenas "asas".

Utilizando uma reação química, prata é utilizada no material que cobre a superfície da motocicleta, criando uma espécie de espelho.
Para controlar isso, a moto possui diversos dispositivos eletrônicos, como controle de tração, freios ABS e controle de freio motor. Pela primeira vez, uma moto da marca possui uma balança do tipo monobraço.

Apesar de ser uma moto moderna, a inspiração para a H2 foi buscada no passado da Kawasaki. O modelo com motor 2 tempos e 748,2 cc, a Mach IV 750, que também carregava o nome H2. Devido à extrema aceleração que a moto oferecia, a fabricante resolveu utilizar este nome novamente.
Outro sinal de nostalgia da moto está no símbolo utilizado em sua dianteira: a "River Mark", um emblema da Kawasaki que data de 1870. Este logotipo foi utilizado pelo fundador da empresa, Shozo Kawasaki, em seus primeiros navios.

Duda Parise é o novo piloto da Escuderia X

Duda Parise

Equipe de Curitiba quer o bicampeonato da categoria MX3 na temporada 2015

Fonte:Escuderia X Motos
Faltando um mês para o início da temporada 2015 do Campeonato Brasileiro de Motocross, o chefe de equipe priorizou a busca por um piloto capaz de garantir o bicampeonato da classe MX3 à Escuderia X. Surgiu, então, o nome de Douglas Parise.

Campeão da classe MX3 em 2011, ano em que a Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) reduziu a idade de ingresso na categoria para 30 anos, Duda Parise acertou com a Escuderia X em seu retorno às provas do Brasileiro de Motocross. Em 2015, ano em que completa 35 anos, o piloto gaúcho volta a projetar a conquista do título nacional.

“Há bons pilotos que ingressam na MX3 neste ano, o que me motivou a começar a treinar bem cedo para esta temporada. Além disto, o convite para compor a Escuderia X me empolgou ainda mais a fazer o que gosto: andar de moto”, afirma Parise.
Experiente, Duda Parise acumula em seu currículo profissional a conquista do título do Brasileiro de Supercross na categoria 125cc em 2000. No ano seguinte, o piloto gaúcho integrou a seleção brasileira que participou do Motocross das Nações em Namur, na Bélgica, ao lado de Paulo Stedile e Massoud Nassar. “Estou ansioso para conhecer o pessoal da equipe. Espero vir a somar e fazer um bom trabalho com a Escuderia X”, completa Duda Parise, que correrá com o número #992.
Perfil:
Nome completo: Douglas Scartazzini Parise
Número: #992
Nascimento: 5 de setembro de 1980
Cidade natal: Casca, Rio Grande do Sul
Mora em: Fagundes Varela, Rio Grande do Sul









Megacycle 2015 terá participação intensiva da Triumph.

Evento acontecerá de 27 de fevereiro a 1º de março no Centro de EVentos André Franco Montoro, em Campos do Jordão-SP.

Fonte: G6 Comunicação
A Triumph Motorcycles,  participa da próxima edição do evento “Megacycle”, em Campos do Jordão (SP), entre os dias 27 de fevereiro e 1º de março, no Centro de Eventos André Franco Montoro. O evento terá diversas atrações, como shows, lançamentos e test-riders. 
A Triumph participa do Megacycle em parceria com as concessionárias Triple e Autostar da capital paulista. A empresa terá no evento uma loja de roupas e acessórios pessoais da marca, comercializando a linha de produtos que está disponível no País, incluindo uma infinidade de produtos, como óculos, relógios, camisetas, jaquetas e botas, entre muitos outros.

As motocicletas também serão vendidas durante o encontro. A marca inglesa vai expor em seu estande seus lançamentos mais recentes no mercado brasileiro, como a Tiger Sport e a Thunderbird Commander, e mais 10 modelos de motocicletas: Tiger Explorer, Tiger Explorer XC, Speed Triple, Street Triple 675R, Daytona 675R, Rocket III Roadster, Thunderbird Storm, Trophy SE, Bonneville T100 e Thruxton. 

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Banco Volkswagen oferece condições especiais para motos Ducati

Ducati Red Pass está disponível para todos os modelos da marca. Além de entrada e parcelas reduzidas, plano oferece garantia de recompra do bem após dois anos.

Fonte: Printer Press
O Banco Volkswagen, o maior banco de montadora do país, em parceria com a Ducati do Brasil, oferece, até o dia 15 de março, condições exclusivas para todos os modelos da marca.
Por meio do Ducati Red Pass, é possível adquirir qualquer moto com no mínimo 30% de entrada, mais 23 prestações reduzidas e garantia de recompra pelas Concessionárias Autorizadas Ducati na 24ª parcela (por no mínimo 50% do valor de Nota Fiscal da moto).

Este modelo de financiamento ainda permite que o consumidor opte pela quitação do saldo devedor ou pela troca da motocicleta ao final do contrato. A oferta é válida em toda a rede de distribuidores no Brasil até 15 de março ou enquanto durarem os estoques.

Mais informações: http://www.bancovw.com.br/br/home/ofertas-ducati.html

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Top ten dos modelos em janeiro de 2015.

Em termos do posicionamento de modelos pelo menos entre os 5 mis vendidos não houve alterações. Mas a Honda conseguiu em Janeiro emplacar a PCX 150 em décimo lugar deixando a Yamaha XTZ 150 décimo primeiro lugar. Vamos aos números, mesmo sabendo que 108.634 motocicletas comercializadas em janeiro de 2015, representam uma retração de 14,94 se comparado a dezembro de 2014.
Em primeiro lugar: Honda CG Titan 150, com 27.357 unidades
Em segundo lugar: Honda Biz 125, com 16.572 unidades.
Em terceiro lugar: Honda NXR Bros 150 , com 15.422 unidades
Em quarto Lugar:Honda Pop 100, com 8.416 unidades.
Em quinto lugar: Honda CG 125 , com 7.887 unidades.
Em sexto lugar:Yamaha YBR Factor 125, com 3.767 unidades.
Em sétimo lugar: Yamaha YS 150 Fazer, com 3.380 unidades.
Em oitavo lugar: Honda XRE 300, com 3.756 unidades.
Em nono lugar: Honda CB 300 R com 2.505 unidades; e
Em décimo lugar: Honda PCX 150, com 1.945 unidades

Top seven das marcas em janeiro de 2015.

Pedindo desculpas aos nossos leitores e seguidores pela demora, informamos que 2015 não começou bem para o mercado de motocicletas no Brasil. Em janeiro foram emplacadas  apenas 108. 635 motos contra  127.719 em dezembro de 2014, 14.94% menos. Mas quando comparamos com com janeiro de 2014, percebemos que a queda foi bem mais acentuada, 18.72% abaixo. Esperando uma reação no marcado de motocicletas e em todos os setores que estão sendo afetados pela recessão, vamos aos números.
1º lugar: Honda, com 86.836 unidades e 79.93% do mercado.
2º lugar: Yamaha, com 14.278 unidades e 13.14% do mercado.
3º lugar: Dafra, com 1.487 unidades e 1,37% do mercado.
4º lugar: Suzuki, com 1.135 unidades e 1,04% do mercado.
5º lugar:Shineray com 1.003 unidades e 0,92% do mercado
6º lugar:Traxx com 605 unidades e 0,56% do mercado.
7º lugar: Kawasaki, com 582 unidades e 0,54%

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

BMW F 800 R 2015: potência e versatilidade para todos os usos.

Modelo chega este mês ás concessionárias com visual repaginado, motorização bicilindrica de 90 cv de potência e a tocado suave que se espera da roadstar urbana da BMW Motorrad.

Fonte: BMW Group PressClub Brazil.
Esportividade e adrenalina fazem parte do DNA da BMW Motorrad, que traz, neste mês, a nova BMW F 800 R. Mais esportiva e versátil do que nunca, a nova roadster incorpora toda a potência dos motores bicilindricos da BMW, com a suavidade de condução proporcionada pela ciclística impar que só os modelos da marca conseguem proporcionar. O visual foi totalmente repaginado, agregando ainda mais esportividade, além de melhorar a aerodinâmica do conjunto.
O visual da nova BMW F 800 R está totalmente renovado na versão 2015 do modelo. O farol agora traz visual mais moderno, lançando uma nova tendência em design nos produtos BMW Motorrad. As carenagens de motor e rabeta conferem mais porte à motocicleta e ajudam a “vestir” o piloto, para a pilotagem mais instintiva. A altura em relação ao solo diminuiu em 10 mm (790 mm), com o objetivo de melhorar a utilização em ambiente urbano até para pilotos com menor estatura. As dimensões permanecem compactas na nova roadster, que traz 1.526 mm de distância entre-eixos. O ângulo de caster de 64º proporciona uma pilotagem intermediária entre esportiva e urbana.

As rodas também trazem um visual inédito, feitas em alumínio de liga leve, com 17 polegadas de diâmetro. Os pneus tem classificação ZR, nas medidas 120/70 na dianteira e 180/55 na traseira.
A suspensão dianteira conta com garfo telescópico invertido, enquanto na traseira o modelo traz sistema monoamortecido, com balança traseira em alumínio fundido, mais leve, porém, sem perder rigidez. Cargas de amortecimento e retorno podem ser ajustadas para uma utilização mais personalizada. Os freios são a disco duplo flutuante na dianteira, com 320 mm de diâmetro e pinça com quatro pistões. Já na traseira, o disco, simples, é de 265 mm, com um pistão. Para frenagens ainda mais seguras, o sistema conta com ABS (antitravamento).
“ A F 800 R já era uma das motocicletas mais queridas do público da marca, agora com o modelo repaginado ela está ainda mais atraente. Estamos otimistas com as vendas e com a aceitação do público, ela é fantástica.” diz Matteo Villano, Gerente sênior de vendas – BMW Motorrad Brasil.

Reconhecida pelo seu alto desempenho, a motorização bicilindrica da BMW F 800 R chega mais potente nesta nova versão. São 90 cv de potência, três a mais que a antiga versão, com torque de 86 Nm já disponíveis desde os 5.800 RPM, o que torna essa motorização bastante elástica e versátil, principalmente para utilização urbana, onde a suavidade dos motores de dois cilindros se mostra ainda mais conveniente.

A esportividade também está presente. Com o encurtamento da relação das duas primeiras marchas, além do baixo peso (202 kg totalmente abastecida), os giros sobem mais rápido e o torque máximo é alcançado em menos tempo. A velocidade máxima de 200 km/h também chega rapidamente com o perfeito escalonamento do câmbio de seis marchas. Eficiência também é uma marca registrada da roadster, que consegue alcançar um consumo de até 20,8 km/l (em velocidade constante de 120 km/h).
Pacote Premium:
Manoplas aquecidas – novo
Indicador de ABS
ABS
Controle de pressão dos pneus (RDC) - novo
Computador de bordo
Pisca em LED
Cavalete central – novo
Tomada 12V – novo
Disponível nas cores: branca, azul com preta e azul com branca, a BMW F 800 R está disponível na rede de concessionárias por R$ 37.900,00.